Pesquisar este blog

Tradutor

quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Erros comuns que levam as pessoas a sabotarem sua aposentadoria.

Quando você encerrar suas atividades profissionais, entenderá o quão importante é fazer um bom plano de investimento para essa fase da vida. Você sabe, porém, quais são os erros mais comuns que levam as pessoas a sabotarem sua própria aposentadoria?
Pensando nisso, trouxemos 5 dos principais itens que você deve considerar imediatamente. Observe.
Filhos - ter filho é algo importante da vida, claro. No entanto é preciso considerar todas as implicações dessa decisão. Uma pesquisa norte-americana revelou que boa parte dos pais sente bastante dificuldade em poupar dinheiro por conta das crianças. A solução aqui não é deixar de ter filhos, mas sim estar ciente que você precisará de ainda mais planejamento e foco para acumular dinheiro visando a aposentadoria.
Esperar demais - educadores financeiros explicam que muitas pessoas deixar para começar a guardar dinheiro visando a aposentadoria apenas depois de ter quitados todas suas dívidas e conquistados todos seus objetivos, como a aquisição da casa própria e do automóvel. Entretanto, isso significa sacrificar muitos anos de acumulação.
Em vez disso, os consultores financeiros costumam recomendar a abertura de uma conta de aposentadoria assim que a pessoa começa a trabalhar, mesmo que no início só seja possível guardar pequenas quantias. Assim que o profissional começa a receber mais, ele também poderá destinar um valor maior para essa poupança.
Erro nos cálculos - de acordo com instituição focada em estudos sobre aposentadoria, apenas 1 em cada 10 pessoas sabem fazer os cálculos certos. As pessoas não estimam corretamente o quanto vão precisar mensalmente durante os anos em que não estarão mais profissionalmente ativos e, além disso, erram ao elaborar seu plano de investimento.
Fazer investimentos muito conservadores ou muito agressivos - fazer investimentos 100% conservadores, como a poupança, que luta para bater a inflação anual não é a melhor estratégia, assim como não é investir tudo em produtos de alto risco, como as ações.
Os consultores financeiros gostam da estratégia em que o cidadão vai mudando sua carteira à medida que fica mais velho. Ou seja, aos 30 anos, mantenha 30% do seu dinheiro em produtos de baixo risco e os 70% restante em ações, por exemplo. Aos 70 anos, inverta a ordem.
Não considerar que você pode ter uma vida bastante longa - a expectativa de vida cresce a cada ano. Assim, após a aposentadoria você pode viver mais 20, 30 anos ou até mais. Isso significa basicamente que precisará de ainda mais reserva financeira. Precisará ter poupado mais do que as gerações anteriores, por exemplo.
Vale lembrar que os custos dos planos de saúde, dos remédios e do sistema de saúde como um todo também está encarecendo e boa parte do que você separou para a aposentadoria será consumida por esses itens.
Fonte: Infomoney - site do yahoo em 24/07/2012

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Continue nos visitando