Pesquisar este blog

Tradutor

terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

Você pode ser um líder?

Não é fácil ser um líder. Além das preocupações e responsabilidades, ainda há uma série de competências que um gestor deve ter para realizar uma boa liderança. 

Segundo a consultora Cristiane Domingues Ribas, da De Bernt Entschev Human Capital, as competências de liderança podem ser praticadas e desenvolvidas pelos profissionais ao longo de uma carreira. “Um fator que pode ajudar nesta busca é a participação em grupos nos quais existam oportunidades de gerenciar pessoas, como em cursos de especialização, pós e idiomas”.

A consultora conta que, dessa forma, o indivíduo pode exercer a liderança como gestor de grupo e distribuir tarefas e prazos. “Praticar a liderança é extremamente produtivo, pois permite ao profissional vivenciar exemplos reais de gestão de pessoas, bem como analisar se tem perfil e prazer em liderar” comenta.
Quais são as competências, afinal?
Cristiane revela quais são essas competências e como elas devem ser praticadas. Confira as sete principais:

1. Identificar e desenvolver talentos
Em vez de mostrar novas ideias o tempo todo, o chefe deve saber orientar, desenvolver e treinar as pessoas para que elas tragam novas ideias, na opinião da consultora. Por isso, estar envolvido com os colaboradores é fundamental para valorizá-los dentro de uma empresa e mostrar a eles que fazem parte da instituição.

2. Planejar e definir metas
Segundo a especialista, além de um planejamento de carreira, ou seja, conhecer onde se quer chegar e como pretende chegar, o processo de liderança envolve o ato de aproximar a equipe, definindo o papel e as tarefas de cada integrante do grupo e auxiliando-os a focar na entrega dos resultados e no cumprimento das metas.

3. Abrir mão do reconhecimento em prol da equipe
Saber nomear e dividir as conquistas com toda a equipe, em vez de reclamar as glórias somente para si, é outra competência essencial para um líder. “É importante saber reconhecer a parcela de contribuição de cada integrante da equipe e valorizar as ideias de cada um. Isso os incentiva a continuar contribuindo para o sucesso do grupo”, comenta Cristiane.

4. Ser resiliente
Com o dinamismo atual do mercado, os gestores precisam ser ágeis e focados nas soluções, em vez de lamentar sobre os problemas, explica a consultora. “Os líderes devem ter bom equilíbrio emocional para saber lidar com situações difíceis e desafiadoras de maneira mais produtiva e assertiva. Desta maneira, não perdem a cabeça em momentos de conflito ou crise”.

Um líder resiliente é positivo em relação aos problemas e procura encontrar a melhor solução com tranquilidade e assertividade. Além disso, é flexível e aceita com maior facilidade as novidades e propostas.
5. Escutar
Além de se comunicar e relacionar com facilidade, um bom líder precisa, antes de tudo, saber escutar – que é diferente de saber ouvir. Escutar significa considerar as propostas feitas, estar atento aos que os demais dizem, perceber e compreender as informações que a empresa lhe repassa. “É o ato de se preocupar com o que está ouvindo e compreender essas informações, demostrando assim interesse real pelas pessoas e pelo que dizem”, diz Cristiane.

6. Servir de exemplo
Para ser um bom gestor, o líder precisa servir de exemplo a seus subordinados. Humildade e respeito são características intrínsecas para uma gestão eficaz. “Ser humilde permite ter uma equipe capaz de brigar e defender seus ideais. Isso acontece porque acreditam no papel do líder como conciliador e porque ele sabe reconhecer a capacidade, o conhecimento e o valor moral de seu time”.

7. Gerenciar
O papel de gestão envolve muitos conflitos, processos, riscos e envolvimento com pessoas. “O profissional deve ter capacidade de avaliar situações e obter resultados, incentivar o trabalho em equipe e realizar feedbacks aos funcionários. A incapacidade de lidar em grupo, inclusive, é o principal fator eliminatório de candidatos a cargos executivos”.

Fonte: Infomoney - seg, 25 de fev de 2013 08:56 BRT site yahoo.

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

Estamos em Luto...


Prezados (as);

venho por meio deste, em respeito à todos os amigos, clientes e visitantes que nos acompanham diariamente, justificar a ausência de matérias neste site em função do falecimento do meu PAI - AMIGO - HERÓI, no dia 10/02/2013.

A tristeza é enorme, a dor insuportável e a perda incompreensível...

Mas com a ajuda e orações de vocês, eu e minha família esperamos superar este momento tão difícil...

Grato.

Emerson Santana e Família.





quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

Aprendizagem noturna...

Olá amigos!

Na manhã de hoje (06/02) a FENEAUTO na pessoa de seu Presidente, Sr. Magnelson Carlos de Souza esteve em uma audiência com o Deputado Federal Celso Russomano, autor da Lei 12.217 que tornou obrigatória que uma parte da aprendizagem prática seja realizada no período noturno.

Nesta audiência foi ponderado pelos representantes de nosso setor a iniciativa do Deputado em produzir uma Lei que tenha como propósito preservar vidas, entretanto, destacamos junto ao nobre Deputado  o excesso por parte do CONTRAN na definição do percentual de 20% da carga horária obrigatória, sendo que, neste momento o Deputado se mostrou surpreso com o critério adotado pelo CONTRAN.

O Deputado esclareceu que o propósito da Lei era preservar para que o candidato  a habilitação tivesse pelo menos 01 (uma) aula no período noturno, assim como ocorre na Aviação, e que em sua avaliação é o suficiente para aprimorar o processo de formação de condutores, ainda destacou que a sua iniciativa estava apenas direcionada para os processos de primeira habilitação.

No término da reunião, após a ponderação dos representantes do nosso setor quanto aos efeitos desta obrigatoriedade vem causando a toda a categoria, ficou acordado entre os presentes que o Deputado estaria providenciando um Ofício para encaminhar em caráter de urgência ao DENATRAN e ao CONTRAN, apresentando os reais propósitos e objetivos do Projeto de Lei  em questão.

Assim sendo, tão logo tenhamos novas informações sobre esta questão, estaremos repassando a todos.



Um grande abraço!


Magnelson Carlos de Souza
Presidente
Federação Nacional das Autoescolas e CFC’s - FENEAUTO


Continue nos visitando