Pesquisar este blog

Tradutor

segunda-feira, 4 de março de 2013

Adiado mais uma vez...Curso de Motofretistas

Exigência de curso de capacitação para motofretistas é adiada em MG.

Exigência de curso de capacitação para motofretistas é adiada em MG. Decisão adia em seis meses a obrigatoriedade do curso.

Outras determinações ainda serão cobradas, é o caso dos itens de segurança.


Do G1 MG

A exigência do curso de capacitação para a circulação de motofretistas em Minas Gerais será adiada para que mais condutores possam se adequar às normas, de acordo com o Ministério Público Estadual. A decisão foi divulgada nesta terça-feira (19) e valerá para os próximos seis meses. Outras determinações para regularização do motofrete continuam sendo cobradas, é o caso da obrigatoriedade de itens de segurança.

Segundo a decisão do MPE, a presença da placa vermelha, que sinaliza o veículo usado para serviços de entrega, também deixará de ser cobrada no período. O motivo dos adiamentos é a dificuldade de muitos condutores para se inscrever nos cursos e obter uma licença da Empresa de Transporte e Trânsito de Belo Horizonte (BHTrans). 


A resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) com novas exigências para circulação de motofretistas é de 2010. De acordo com o Ministério Público, mais de 90% dos profissionais do estado ainda 
não cumpriram as normas para exercer a atividade.

Exigências
Entre as determinações para regularização está instalação da antena “corta cerol”, tarja refletiva no baú, proteção para as pernas e placa informando o aluguel da motocicleta. Os motoristas precisam ter no mínimo 21 anos, dois anos de habilitação na categoria “A”, usar capacete e colete de segurança com faixas refletivas e aprovação no curso para especialização de motofretistas. 


Para aqueles que ainda não fizeram o curso exigido, uma opção é assistir às aulas teóricas pela internet. No final do curso o certificado é lançado no sistema do Detran e o condutor deve procurar o órgão de trânsito para fazer a alteração do documento onde constará a autorização do serviço. Saiba mais no site do Detran- MG. 


Apenas motoristas credenciados pelo Departamento Nacional de Trânsito de Minas Gerais (Detran-MG) vão poder circular na capital na categoria motofrete.


Postado em 21/02/2013
Fonte = Do G1 MG

CONTRADITÓRIO

DETRAN DE MINAS GERAIS NEGA REFRESCO NA FISCALIZAÇÃO A MOTOFRETISTA



06/02/2013 20:29 - Atualizado em 06/02/2013 20:29
Detran de Minas nega ‘refresco’ na fiscalização a motofretista
Gabi Santos - Do Hoje em Dia


Motofretistas de Minas Gerais vão recorrer ao Ministério Público para tentar interromper a fiscalização das  
novas regras da profissão, que entraram em vigor neste mês. Mas o delegado chefe do Detran-MG, Oliveira 
Santiago, informou que não haverá prorrogação da cobrança por parte dos órgãos de trânsito. No Estado,
dos 50 mil motofretistas, apenas cerca de 17 mil se adequaram a nova norma.
Na última terça-feira (5), o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) informou que os Estados podem
optar por não multar os profissionais até o dia 20 de fevereiro. Os sindicalistas representantes dos
motociclistas decidiram procurar o Ministério Público Estadual para tentar um novo encontro com o Detran e
a Polícia Militar.
Atribuições
Oliveira Santiago frisou nesta quarta-feira (6), durante encontro com motofretistas, que a competência para o
adiamento do cumprimento das exigências, como acontece em alguns estados, é do Contran ou Denatran,
por meio do MP.
As novas diretrizes para o desempenho da atividade de motofretista exigem a frequência em curso de
especialização de 30 horas/aula, inserção na carteira de habilitação da atividade remunerada e a adequação
do veículo com acessórios de segurança, e emplacamento do veículo na categoria aluguel (placa vermelha).
Postado em 08/02/2013
Fonte = JORNAL HOJE EM DIA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Continue nos visitando