Pesquisar este blog

Tradutor

sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

2014!!! Otimistas x Pessimistas x Realistas?

Estamos às vésperas de 2014 e com o início de um novo ciclo muitas perguntas surgem, muitas dúvidas aparecem e com elas o desejo de adivinhar o futuro.

De um lado, os otimistas esbanjam uma enorme euforia em diagnósticos e previsões inatingíveis..."o país vai crescer 10% ao ano", "vou ganhar na mega sena e como se ainda fosse pouco, sozinho",  "vou ficar rico e dar uma banana para o meu chefe", "vou trocar o meu carro e comprar uma BMW X6", entre outros desejos e previsões...

Do outro lado, os pessimistas se apegam aos históricos negativos, obviamente, para deflagrarem as suas previsões e diagnósticos, fundamentadas em conspirações ..."não jogo na mega sena porque o computador é manipulado", "nunca vou ter uma BMW, porque é só para rico", "vou ficar quieto mesmo aqui no meu emprego, pois está difícil arrumar outro", entre outros...

Já o realista é aquele que carrega consigo a grande responsabilidade de intermediar os dois lados, mas, visto muita das vezes mais como pessimista do que otimista.

Na verdade, a existência dessas três figuras se apresenta para estabelecer o equilíbrio dessa relação, dessa ansiedade e expectativas do que irá acontecer em cada ciclo que se inicia.

Na economia isso não é diferente. Porém, sendo uma ciência social e de difícil previsibilidade em função do comportamento da sociedade e grupos através de seus costumes e desejos, os grupos se apresentam e se organizam da seguinte forma: 

* de um lado a política - "o partido da Situação" - com seus ideais sempre otimistas..."não estamos em crise", "crise é coisa do passado", "criticam por não estarem satisfeitos com o nosso sucesso"...

* do outro lado a política - " o partido da Oposição" - com seus ideais sempre pessimistas a tudo que é praticado pela Situação..."a taxa selic é a mais alta do mudo", "a carga tributária tem que ser revista", "tem que se investir em educação, saúde e segurança"...

* para intermediar e estabelecer o equilíbrio,  os Especialistas: fundamentados em pesquisas, ferramentas e técnicas. 

Diante de um calendário como o apresentado na ilustração acima para 2014, o que podemos esperar?

* Otimista: com tantos eventos, viajar no carnaval, ver os jogos da copa do mundo (oportunidade única), aproveitar as eleições para viajar, rever a família e feriados de fim de ano...gastando tanto assim, impulsionar a economia.

* Pessimista: com tantos eventos, o país vai parar...nada de vendas...economia em crise, inflação em alta, nada de investimentos por parte do governo pois será ano de eleições...

* Realista: diante da realidade da economia e de todos os indicadores que realmente vivenciamos em 2013, o ano de 2014 deverá ser um ano de preparação e sustentação para superarmos todos os ciclos já pré-determinados. 

Quer saber que indicadores são esses? Na verdade são sinais através de estudos, pesquisas, ferramentas e técnicas que muitos não observam e não dão o devido valor...

Veja mais: 


Você ainda tem dúvidas?

E você?

É um Otimista, Pessimista ou Realista?

Att.
Emerson Santana

Texto/Opinião: Emerson Santana.
* Graduado em Ciências Econômicas pela UFSJ – São João Del Rei/MG
* Especialista em Gestão em Finanças  pela UFSJ- São João Del Rei/MG
* Especialista em Gestão, Educação e Segurança para o Trânsito - Belo Horizonte/MG
* Consultor Administrativo e Financeiro
* Ministra Cursos de Orçamento Pessoal e Familiar
* Ministra Cursos de Gestão Financeira para MPE's in Company 





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Continue nos visitando